LN – Eleições na Colômbia: Rodolfo Hernández lidera as primeiras pesquisas a caminho da votação


BOGOTÁ.- A primeira pesquisa de intenção de voto divulgada após o primeiro turno eleitoral na Colômbia revelou que o candidato independente Rodolfo Hernández venceria o esquerdista Gustavo Petro por uma leve vantagem no votação de 19 de junho.

Quando perguntado em quem votaria no segundo turno, 41% se declararam a favor do engenheiro Hernández, enquanto 39% garantiram que escolherão o economista Petro em estudo do Centro Nacional de Consultoria (CNC). De acordo com essa mesma pesquisa, 14% dos entrevistados ainda não sabem em quem vão votar -uma alta porcentagem em que os candidatos devem se concentrar para somar votos-, 5% votariam em branco e 1% expressaram que não estão convencidos com nenhum dos dois candidatos.

No caso da pesquisa La FM, a vantagem de Hernández é maior: obteria 52% contra 44% para Gustavo Petro (com erro amostral de 2,9%).

Apoiadores do candidato à presidência da Colômbia pela 'Liga de Gobernantes Anticorrupción' Rodolfo Hernández comemoram em Cali, Colômbia, em 29 de maio de 2022, após as eleições presidenciais.

Apoiadores do candidato à presidência da Colômbia pela ‘Liga de Gobernantes Anticorrupción’ Rodolfo Hernández comemoram em Cali, Colômbia, em 29 de maio de 2022, após as eleições presidenciais. (RAUL ARBOLEDA/)

A pesquisa do CNC consultou 1.200 pessoas por telefone em 43 municípios do país entre 30 e 31 de maio, tem uma margem de erro de 2,8% com 95% de confiança, portanto os dois pontos de diferença estão na faixa de empate técnico. A consultoria realizou uma primeira pesquisa antes das eleições de 29 de maio, na qual perguntou aos entrevistados sobre um possível segundo turno entre os atuais candidatos. Esta pesquisa produziu um empate técnico entre Hernández e Petro, ambos com 40,5% de intenção de voto.

Por regiões

O “velho do TikTok” é o favorito nos departamentos que compõem o Região do Café (centro) e Antioquia (noroeste)– onde na primeira rodada Federico “Fico” Gutiérrez venceu com uma grande porcentagem – com 54%. Petro obteria 26% lá. Cerca de 14% dos entrevistados nessa área disseram que não estão alinhados com nenhum dos dois candidatos.

No região do Caribeo ex-militante do M-19 reúne 48% de intenção de voto contra 33% de Hernández, enquanto no região do Pacífico O apoio de Petro subiria para 57%, deixando Hernández com 23%.

Um homem passa por um cartaz de campanha do candidato presidencial Gustavo Petro e sua companheira de chapa Francia Márquez, com a coalizão Alianza Histórico, em Bogotá, Colômbia, quarta-feira, 25 de maio de 2022.

Um homem passa por um cartaz de campanha do candidato presidencial Gustavo Petro e sua companheira de chapa Francia Márquez, com a coalizão Alianza Histórico, em Bogotá, Colômbia, quarta-feira, 25 de maio de 2022.

Petro, ex-prefeito de Bogotá, dominaria a capital do país, segundo o levantamento, com 49% ante 39% para o candidato da Liga dos Governadores Anticorrupção.

Por outro lado, 42% dos homens e 41% das mulheres se inclinariam para Hernández, uma porcentagem que no caso de Petro corresponde a 43% e 36%, respectivamente.

Além disso, o CNC revelou que Hernández domina os estratos de classe alta e baixa (52% e 40%, respectivamente, contra 40% e 39%)e tem maior apoio entre os eleitores em 40 anos e mais. O Petro, por sua vez, conta com o apoio dos consultados da classe média e principalmente por eleitores entre 18 e 40 anos.

Agência ANSA e El Tiempo GDA



Publicado en el diario La Nación

(Visitado 1 veces, 1 visitas hoy)